Vergil será jogável em DmC

A Capcom hoje em dia é bem conhecida pelo seu grande apoio aos DLC’s, mesmo quando isso signifique a indignação por parte dos jogadores. Com DmC: Devil May Cry a Capcom promete continuar esta tendência.

Já era sabido que, com o lançamento, irão estar disponíveis vários packs com skins para as armas, sendo alguns deles apenas acessíveis mediante pré-compra em determinadas lojas (sobretudo norte-americanas).

A partir do momento que a Ninja Theory e a Capcom desvendaram que Vergil, o irmão gémeo de Dante, iria fazer parte da história que os pedidos para que fosse incluído como personagem jogável se multiplicaram de uma forma que, aparentemente, não havia sido prevista. Assim sendo, a Ninja Theory e a Capcom decidiram aproveitar a oportunidade para responder aos fãs, dedicando todo um capítulo à história de Vergil sob a forma (lá está) de um DLC, intitulado Vergil’s Downfall.

Este capítulo extra irá complementar a história de Dante respondendo à questão de como chegou ao estado em que se encontra na campanha “principal”. Assim, é possível dizer que este capítulo será uma pequena prequela do jogo que irá explorar as motivações do irmão de Dante que o terão levado a assumir o controlo da The Order, a organização que luta contra o domínio dos demónios sobre a humanidade.

No trailer mostrado fica claro que Vergil tem um estilo de combate muito diferente de Dante (não aparenta ter habilidades de anjo e de demónio) e também bastante semelhante ao que se viu em Devil May Cry 3: Special Edition, tirando partido de rápidos teletransportes, espadas azuis como projécteis e da característica espada de samurai Yamato. Este downloadable contente trará também conteúdo desbloqueável e Leaderboards.

Vergil’s Downfall irá ser lançado depois do jogo no início de 2013 e custará 720 MSPoints (na Xbox 360) ou 8.99€ (na Playstation 3). Já DmC: Devil May Cry, chegará às lojas no dia 15 de Janeiro de 2013 para a Playstation 3 e Xbox 360 sendo que posteriormente estará também disponível no PC.

Fiquem então com o trailer:

A Capcom e a Ninja Theory pensaram mesmo que se iam escapar a incluir o Vergil como personagem jogável? Tendo em conta que Devil May Cry 3: Special Edition e Devil May Cry 4 permitiram aos jogadores encarnar duas personagens diferentes diria que DmC: Devil May Cry daria um passo atrás.

Quanto à questão de ser um DLC anunciado antes do lançamento tenho a dizer que, por esta altura, já nada me surpreende vindo da Capcom e sobretudo depois do abuso vergonhoso que fizeram de DLC’s com Asura’s Wrath. Esperem uma futura rubrica acerca do assunto.

Não digo que tenha ficado descansado quanto ao jogo (não é o anúncio de um DLC que o vai fazer) mas sendo Vergil a minha personagem preferida de Devil May Cry diria que está no bom caminho. O estilo de combate parece muito semelhante ao de Devil May Cry 3, algo que, tendo em conta o jogo que é, aprovo sem qualquer problema.

Acho também pertinente explorar as motivações de Vergil para criar a de The Order. Confesso que fiquei um pouco preocupado com a postura aberta e amigável de Vergil no trailer em que fez a primeira aparição mas o facto de, neste trailer, se mostrar mais agressivo e mais próximo da sua postura já conhecida. Para mim são boas indicações.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: